Festa do Envio 15/05/2010

21 05 2010

O amor promove

Festa do Envio

Uma longa viagem começa com um primeiro passo…

Palavras universais que retratam o sentido e a importância do nosso percurso ao longo da vida. A universalidade deste sentido chama-nos, a todos, para um projecto grandioso e em especial, no dia 15 de Maio, na celebração das 19h, chamou-nos, na Festa do Envio, para a universalidade do projecto divino.

Recordamos o primeiro passo que demos, pelo Baptismo, abraçados pelos passos da nossa família e abraçados pelo amor da comunidade: a comunidade foi as mãos com as quais Deus nos abençoou.

No sacramento do Baptismo, o Senhor concedeu a cada um viver a beleza e a alegria de ser cristão, percurso que realizamos ao longo destes 10 anos de catequese, ajudados pelos nossos pais, padrinhos e restante família e por todos os colaboradores e pároco desta comunidade. Mas o dom concedido pelo Senhor chamou, neste dia, para algo mais…

Desejamos que, com a Festa do Envio, a chama da nossa Fé possa, como proferiu Bento XVI “resplandecer neste nosso mundo, que frequentemente vai às cegas entre as trevas da dúvida, a luz do Evangelho que é vida e esperança”.

Entramos nesta celebração pelos nossos próprios passos, apoiados por um simples cajado: símbolo de peregrino; símbolo de companheirismo; símbolo de protecção a todos; símbolo e instrumento de paciência e recondução; símbolo de uma missão; símbolo de enviado…

Que na Eucaristia que celebramos todos tenham colhido um pedaço de céu que ilumine o seu caminho e, principalmente, que ilumine o nosso caminho, pois escutamos o apelo de quem nos chama e, livremente, nos dispusemos a ser enviados.

Para além do cajado, escolhemos como símbolos para esta festa a luz e o sal.

Reacendemos a Luz recebida no dia do nosso Baptismo, como símbolo da missão do cristão, de levar luz onde haja trevas: Vós sois a luz do mundo(…). Assim, brilhe a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem o vosso Pai que está nos céus. (Mt 5, 14-16)

Vive-se uma espécie de apagão interior, um estado de alma e de vida em que se torna difícil encontrar sentido e luz para os passos de cada dia. Cada vez mais são necessários testemunhos fortes, pessoais e comunitários, de vida nova em Cristo, vida esta que nos faz caminhar ao encontro do outro.

Quem professa a fé recebida no Baptismo sabe-se enxertado e incorporado em Cristo e, como tal, dá testemunho da fé e da vida cristã.

Recebemos o sal de que necessitamos para a missão de enviados de Cristo.

O que dizer da indiferença da sociedade actual? Parece que tudo o que não dá dinheiro, não é útil e não dá prazer é desconsiderado. Esta mentalidade utilitarista rouba tempero à vida, porque as pessoas passam a viver por interesse, para ter e gozar mais, sem olhar a meios para atingir os fins. Neste sentido, podemos dizer que este tempo é insosso, que lhe falta o tempero da gratuidade.

Os cristãos, em Igreja, são sal da terra, temperam e dão gosto à vida daqueles com quem se cruzam. Ser sal da terra é uma identidade que se recebe e se alimenta na comunidade cristã e reclama o exercício da caridade cristã e a colaboração assumida e consciente com a comunidade humana: na promoção da dignidade humana, da família, do progresso cultural, do desenvolvimento económico e social, da paz e da justiça. Vós sois o sal da terra. Se o sal perde o sabor, com que lhe será restituído o sabor? Para nada mais serve senão para ser lançado fora e calcado pelos homens. (Mt 5, 13)

No final da celebração, vivia-se um clima de alegria, própria de quem recebeu uma missão ímpar, de acrescentar algo valioso ao mundo: o amor.

Recordamos a parte final da oração conclusiva do retiro de preparação desta festa:

O caminho da alma é o amor

O caminho do espírito é acreditar

O caminho de Deus é acreditar e amar – Eis o lema daquele que se deixa enviar.


Ações

Information

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s




%d bloggers like this: